A Waggl Brasil, plataforma de crowdsourcing que ajuda empresas a ouvirem melhor as pessoas, se posiciona mais uma vez com uma das startups mais promissoras do país.

A Waggl Brasil uniu a tecnologia ao crowdsourcing para simplificar a escuta entre empresas, funcionários e clientes e, assim, promover o diálogo autêntico e estimular a sabedoria coletiva. 

Pelo segundo ano consecutivo, está presente no Ranking 2020 TOP 100 Open Startups e ganhou o prêmio TOP 10 HRTechs. 

Este prêmio celebra o ecossistema empreendedor e destaca as mais atrativas e promissoras startups do país. Divulgado na última quarta-feira, dia 11 de novembro, esse renomado ranking está em seu quinto ano e surgiu para compartilhar conhecimento e implementar soluções inovadoras das startups em conjunto com grandes empresas. 

O Ranking 100 Open Startups, é resultado de um processo anual que mede a quantidade e intensidade dos relacionamentos firmados entre startups e o mercado corporativo. A metodologia do Ranking dá pontos para as startups que mais despertam interesse em médias e grandes instituições a cada ano. Para mais informações, acesse: 100os.net/Ranking2020.

“É uma honra estar pela segunda vez entre as startups mais atraentes do país e ser a plataforma número um em pesquisas pulso com metodologia crowdsourcing. Além disso, é muito bom sermos reconhecidos pela nossa capacidade de cocriar o futuro dos negócios. Isso vai totalmente ao encontro do nosso propósito de incentivar a colaboração por meio da comunicação inclusiva”, afirma Chris Natale, Co Fundadora e Gerente Geral da startup no Brasil.

A tecnologia Waggl surgiu a partir de uma necessidade de ajudar as pessoas após treinamento na execução e monitoramento do plano de desenvolvimento individual. Em 2013, os criadores da Waggl (Drew Batshaw, Michael Papay e Adam Tanner), descobriram que o mais eficiente mecanismo de comunicação na natureza estava nas abelhas e é conhecido como Waggle Dance, ou dança das abelhas. Com essa inspiração e propósito, no ano seguinte nasceu a Waggl Inc., na cidade de Sausalito, Califórnia.

A plataforma Waggl é líder de mercado em crowdsourcing nos Estados Unidos e desembarcou no Brasil em abril de 2018, através dos cofundadores da Waggl  Brasil: Kiko Campos e Chris Natale. Kiko e Chris trouxeram a tecnologia ao país por perceberem o quão positivo e transformador era o ato de incluir a escuta das pessoas nas tomadas de decisões e para atender ao grande número de empresas brasileiras interessadas na solução.

Por aqui, a abordagem promissora do Crowdsourcing, associada à tecnologia exclusiva para realizar pesquisas pulso, com resultados transparentes e sem viés em sua tabulação, também foi rapidamente incorporada nas organizações.  Os modelos tradicionais até então utilizados, com o olhar no passado, tom secreto, tabulação de resultados exaustiva e morosa, não permitiam que as vozes das pessoas pudessem ser ouvidas e levadas até os tomadores de decisão, em tempo real, de forma genuína, inclusiva e humana. 

Principais diferenciais da plataforma:

  1. única tecnologia que possibilita realizar pesquisas pulso quantitativa e qualitativa juntas, oferecendo a tabulação de resultados e sua visualização em tempo real, de forma 100% transparente e anônima.
  2. crowdsourcing voting, uma maneira humana de identificar a escolha coletiva sobre os mais diferentes temas. Tal escolha surge por meio da votação das pessoas nas respostas e opiniões de outros respondentes. Esse sistema conta com dois grandes elementos: Comparação Parelha + o algoritmo Elo Rating System (o mesmo usado pela NBA e NFL para ranquear os melhores jogadores), que possibilitam que as respostas de todos sejam classificadas conforme critérios dos próprios participantes, gerando um ranking imparcial com as respostas que representam a real preferência e opinião do coletivo respondente.

Durante esses dois anos de atuação no Brasil, após a compreensão da versatilidade e usabilidade do crowdsourcing, os clientes têm alcançado resultados surpreendentes em todas as áreas da organização com a sabedoria do coletivo. Aos poucos, percebem que a solução é realmente intuitiva e entrega a eficiência de comunicação na qual ela foi inspirada.

Hoje, no Brasil, organizações como Banco Pan, Mercedes Benz, Baruel, Renault Nissan e L’Occitane promovem continuamente a escuta de seus colaboradores para diferentes fins. Entre eles, estão a construção e promoção de uma cultura organizacional positiva e sólida; engajamento, retenção e desenvolvimento de talentos e aumento de produtividade; monitoramento em tempo real da satisfação e das opiniões dos seus clientes e apuração da diversidade de opiniões para fomentar a colaboração e impulsionar a inovação em seus negócios. 

Em qualquer cenário desafiador ou de mudanças, como o que vivemos hoje, é essencial continuar a se comunicar com clareza para entender o que os funcionários, parceiros e clientes pensam e o que sentem. Por isso, a adoção da tecnologia Waggl por parte da empresa se torna uma grande vantagem na forma de se comunicar para ouvir e selecionar as opiniões das pessoas, embasando melhor as decisões e tornando as empresas mais humanas e prósperas.