Vivemos em um período de intensas mudanças, inclusive na forma como trabalhamos. Diversas tecnologias criam ocupações, acabam com outras e, sobretudo, fazem surgir dinâmicas sociais que precisam ser observadas de perto por todos nós, uma vez que, mais cedo ou mais tarde, seremos afetados por tais alterações. Nesse contexto, surge o conceito de sociedade 5.0.

Mas o que podemos esperar dessa nova configuração da sociedade? Em que estágio de desenvolvimento nos encontramos? E quais são as vantagens e os desafios dessa evolução na maneira como trabalhamos e vivemos? Essas respostas estão presentes ao longo deste conteúdo.

O que é a sociedade 5.0?

Para compreender e saber o que esperar da sociedade 5.0, vamos retomar brevemente outro conceito que anda bastante popular: o de revolução 4.0, também chamado de indústria 4.0.

De forma resumida, essa evolução prioriza a automatização de tarefas e integração de diversos sistemas por meio de determinados recursos tecnológicos, como a robótica, a internet das coisas e o big data. Com isso, menos esforço humano é demandado, o que também contribui com a redução dos erros causados por falha humana.

Mas, enquanto o conceito de indústria 4.0 ganha espaço aos poucos, há quem já esteja pensando mais a frente — como é o caso do Japão, berço da sociedade 5.0. E há um motivo para isso: o país oriental enfrenta um envelhecimento acelerado, com mais de 27% da população tendo idade superior a 65 anos.

Diante desse cenário, a expectativa dos japoneses é de que as tecnologias que alavancaram a indústria 4.0 sejam utilizadas de forma conectada em busca de melhorar a qualidade de vida das pessoas, seja contribuindo no tratamento de doenças ou na redução da desigualdade, entre outros problemas que nos assolam.

Por que a sociedade 5.0 é centrada no ser humano?

Tais melhorias exigem adaptações, inclusive das empresas. Se a prioridade na indústria 4.0 era o aumento da produtividade, na sociedade 5.0 será necessário equilibrar o desenvolvimento econômico com a resolução de problemas sociais, que impactam o bem-estar da população como um todo.

Escute e selecione as melhores ideias com crowdsourcingPowered by Rock Convert

Dentro disso, cabe às empresas — que queiram ampliar sua inserção nesse novo contexto — reforçar sua responsabilidade social, colocando as tecnologias desenvolvidas em prol da resolução de problemas que atinjam a sociedade.

Por tal razão, podemos dizer que a sociedade 5.0 coloca o ser humano no centro das suas prioridades. Dentro desse conceito, não há mais o medo de que as máquinas e demais novas tecnologias “roubem” o posto dos humanos, principalmente por não disporem de atributos inerentemente nossos, como criatividade e empatia.

Quais são os desafios da sociedade 5.0?

Embora represente muitas oportunidades, a sociedade 5.0 também traz desafios para as empresas e seus setores de recursos humanos.  De forma geral, será necessário reforçar a mentalidade de que a tecnologia isoladamente não poderá resolver todos os problemas da humanidade, mas pode colaborar muito.

Já internamente, a preocupação é garantir o bem-estar dos colaboradores, pensando em formas de mantê-los motivados e sempre com a capacidade de atrair talentos de diversas gerações, encontrando maneiras de equilibrá-las no ambiente corporativo. Mais do que uma nova ferramenta, isso tem o potencial de melhorar o desempenho de todos e o retorno social oferecido pela empresa.

Para potencializar esses efeitos, é importante que todos os processos internos ouçam o que os colaboradores têm a dizer, permitindo que eles contribuam na construção de soluções que coloquem os seres humanos no centro das prioridades, tal qual discutido pela sociedade 5.0.

Isso pode ser feito com o auxílio de plataformas que captam as opiniões de todos os níveis da organização, permitindo que toda decisão seja tomada de forma embasada, transparente e humanizada.

A sociedade 5.0 sugere que as tecnologias já desenvolvidas ou que venham a surgir priorizem o bem-estar da humanidade e a resolução dos seus problemas mais eminentes. Ainda que não dê para ter certeza de quando esse conceito ganhará mais espaço, é importante se preparar para tais mudanças.

Gostou deste texto? Então acompanhe-nos em nossas redes sociais, para ter acesso a todos os nossos conteúdos e publicações. Estamos no Facebook, Twitter, LinkedIn e Instagram!

Powered by Rock Convert