O processo de tomada de decisão empresarial define os rumos do negócio diariamente, em cada movimento da gestão. 

Apesar de fazer parte da rotina dos líderes, a escolha do melhor caminho é um desafio constante — e repleto de riscos e oportunidades. 

Será que você tem feito as escolhas certas para sua empresa?

Se você quer melhorar o processo de decisão na sua empresa e tomar medidas com mais inteligência e segurança, este texto é indispensável.

Continue lendo para entender como embasar melhor suas decisões e aumentar as chances de sucesso ao longo da jornada.

Importância do processo de tomada de decisão empresarial

O processo de tomada de decisão empresarial é a própria essência da gestão, pois direciona a solução de problemas e determina o melhor caminho para atingir os objetivos da organização.

Todo ser humano é um decisor por natureza, que lida com inúmeras escolhas no dia a dia.

Mas, quando estamos à frente de um negócio, uma simples escolha pode ter um impacto bilionário ou mudar completamente o curso da empresa. 

Peter Drucker, considerado o pai da administração moderna, afirma que “sempre que nos deparamos com uma empresa bem-sucedida, é porque alguém, algum dia, tomou uma decisão corajosa”.

Isso porque toda escolha envolve riscos nos negócios, mas ficar em cima do muro não é uma opção. 

Por isso, a tomada de decisão deve ocorrer em todos os níveis da gestão, como planejamento, execução, direção e controle. 

Quando bem conduzido, o processo leva à seleção das melhores alternativas, estratégias e políticas, que impulsionam os resultados do negócio e comprovam a competência do gestor.

De modo geral, toda decisão empresarial envolve pelo menos 7 etapas:

  1. Identificação do problema a ser resolvido
  2. Coleta de informações e dados para avaliação
  3. Elaboração de alternativas para solução
  4. Análise das evidências
  5. Escolha da melhor opção
  6. Implementação da alternativa
  7. Revisão e ajuste da decisão.

O processo de tomada de decisão é muito semelhante ao método científico clássico, que abrange pesquisa, consideração de hipóteses, testes e interpretação.

Afinal, estamos falando de decisões embasadas na ciência administrativa, que vão muito além da intuição para garantir o sucesso do empreendimento. 

Tecnologia no processo de tomada de decisão empresarial

A tecnologia revolucionou o processo de tomada de decisão empresarial, trazendo a gestão para a era digital.

Cada vez mais, o feeling está sendo substituído por dados, que embasam escolhas muito mais precisas, realistas e eficientes.

Em inglês, há um termo específico para isso: Data-Driven Decision Making (DDDM), ou Tomada de Decisão Orientada por Dados. 

Basicamente, significa decidir com base em dados reais, usando o poder da informação ao invés da intuição ou interpretação pessoal. 

Conheça alguns métodos e tecnologias que viabilizam essa nova abordagem.

Softwares de gestão 

Vamos começar pelo básico: concentrar e integrar todos os dados valiosos da organização em uma solução ERP (Enterprise Resource Planning ou Sistema Integrado de Gestão Empresarial).

Além de contar com um sistema central, é importante ter softwares específicos para gestão financeira, gestão de vendas e do relacionamento com o cliente (CRM), controle de estoque e outras funções.

Assim, todos os dados necessários à tomada de decisão serão coletados, armazenados e processados na estrutura de TI da empresa. 

Escute e selecione as melhores ideias com crowdsourcingPowered by Rock Convert

Ferramentas de Business Intelligence

As ferramentas de Business Intelligence (BI) são capazes de coletar e processar grandes quantidades de dados de várias fontes.

Com elas, você consegue obter relatórios precisos em painéis de visualização intuitivos, além de monitorar seus KPIs de perto para tomar decisões certeiras.

Ferramentas de análise de negócios

As ferramentas de análise de negócios dão um passo além do BI, extraindo dados de vários sistemas para cruzá-los em um repositório.

Geralmente, possuem recursos sofisticados de mineração de dados e modelagem preditiva, oferecendo uma visão geral do negócio com bases estatísticas.

Para além de informar os resultados dos dados, esses sistemas explicam suas razões e procuram padrões para solucionar problemas, levando a decisões inteligentes.

Soluções de crowdsourcing

Quando a análise de dados envolve pessoas, as soluções de crowdsourcing são as mais indicadas para guiar decisões.

Basicamente, são tecnologias que viabilizam o acesso à sabedoria coletiva, auxiliando na escuta e interpretação de opiniões, percepções e comportamentos.

Desse modo, você obtém dados concretos sobre grupos e públicos diversos, e pode captar a inteligência coletiva para solucionar problemas de forma colaborativa

Como melhorar o processo de tomada de decisão empresarial

Para melhorar o processo de tomada de decisão empresarial, você deve investir em tecnologia e construir uma verdadeira cultura data-driven.

Segundo o relatório Information Culture Report, publicado em 2017 pela BI-Survey, metade das decisões de negócios são tomadas com base em dados, e apenas 50% de toda a informação disponível nas empresas está sendo utilizada. 

De modo geral, há um subaproveitamento do potencial dos dados, mas você pode mudar isso com os seguintes passos:

1. Invista na arquitetura de TI 

O primeiro passo para aprimorar a tomada de decisão empresarial é garantir que toda a informação estratégica seja coletada, armazenada e processada corretamente.

Para isso, você deve investir em uma arquitetura de TI capaz de extrair e integrar dados de vários sistemas e fontes, incluindo fontes externas (Big Data).  

2. Garanta a qualidade e o acesso aos dados

Para que os dados se tornem o alicerce das decisões, você também precisa garantir que tenham a qualidade necessária e estejam disponíveis para todos na empresa.

Por isso, é importante ter uma boa governança de dados e apostar em interfaces e visualizações que facilitem a compreensão e gerenciamento da informação.

3. Promova as decisões data-driven

As decisões orientadas por dados devem ser incorporadas à cultura empresarial, para que façam parte das escolhas e tarefas do dia a dia dos gestores e colaboradores.

Como líder, cabe a você promover a importância de decidir com base em dados e dar o exemplo, estabelecendo novos padrões de inteligência para a gestão. 

4. Ouça seu público e tome decisões colaborativas

Os grandes decisores sabem usar a sabedoria coletiva para seguir o melhor caminho nos negócios, pois o fator humano é essencial no processo.

Logo, se quiser tomar decisões certeiras, você precisa ouvir seu público — seja de colaboradores ou clientes.

Uma das maneiras mais fáceis de dar voz às pessoas é adotar a plataforma Waggl, que usa pesquisas pulso para coletar opiniões e selecionar as melhores ideias a partir de votações dos participantes.

Assim, você capta, organiza, analisa e transforma uma grande quantidade de dados em insights poderosos, agilizando a tomada de decisão de forma colaborativa. 

E claro, ganha novas perspectivas para fazer escolhas inteligentes — e aumentar suas chances de sucesso.

Experimente a Waggl agora mesmo.